X
X

Diário da Região

11/10/2017 - 12h12min / Atualizado 04/10/2017 - 21h14min

Conectados

O que fazer para a rotina não comprometer seu relacionamento

Rotina, trabalho e falta de tempo, se não forem bem administrados contribuem para o distanciamento

Toda relação começa com uma conexão. É dessa forma que se iniciam as amizades e cresce o amor. Saber como criar esta conexão nos ajuda a sermos melhores amigos, melhores amantes, melhores pais, melhores companheiros, melhores chefes.  O mesmo vale num relacionamento a dois.  O problema é que muitas vezes,  sem que os casais se deem conta, essa conexão deixa de ser tão forte, o que pode colocar seu relacionamento a perder.  “Estar conectado ao outro vai muito além de conversar no final do dia ou de dormir juntos. Quanto mais longo o relacionamento, maior a chance de desconexão. Isso porque a rotina, o trabalho, os filhos e a falta de tempo são fatores importantes que se não forem bem administrados contribuem para o distanciamento do casal”, explica a psicólgoa Denise Miranda, terapeuta de casal e uma das fundadoras do Instituto do Casal. A conexão é algo muito particular de cada casal e pode ser afetada por diversos fatores, como pressão no trabalho, doenças na família de origem, entre outros.

“O importante é estar ciente de que há sinais que podem indicar que esse casal precisa melhorar a conexão e, na maioria dos casos, é possível. Entretanto, na correria diária pode ser difícil perceber com clareza que estamos nos distanciando do parceiro (a)”, explica a psicóloga Marina Simas de Lima,  terapeuta de casal.

Alimente o amor

O amor sempre é importante em uma relação mas dificilmente persiste por muito tempo se não for alimentado e ai, certamente, a conexão enfraquece. “Amor conjugal supõe trocas relacionais, afetivas e sexuais”, a psicóloga diz Maria Rita Seixas, psicodramatista de adulto, casal e família. Quando nada disto existe mais, o amor tende a diminuir e acabar. Este, aliás é um dos motivos mais frequentes de separação de casais. Muitos esquecem de alimentar o afeto anterior e ele acaba por se extinguir, ficando apenas dependência e uma relação neurótica sustentada pela insegurança de um ou dos dois, que continuam a chamar impropriamente de amor.

Para manter essa conexão é preciso zelar por ele. Isto se faz mantendo o respeito, cultivando o companheirismo, a amizade, a colaboração entre os dois e cuidando para que o desejo também não acabe com carinho e inovações. “O que acaba é a paixão, mas o desejo pode subsistir quando os dois se preocupam em mantê-lo.  Se não considerarmos esses ingredientes como fundamentais em uma relação existe sempre o risco de acabar o respeito, a autodesvalorização que leva à diminuição da autoestima de um ou de ambos e a uma relação neurótica e destrutiva ressalta.

O relacionamento deve ser um espaço seguro onde o casal possa experimentar amor, alegria e objetivos em comum. Mais do que em qualquer outro relacionamento humano, a vida a dois é uma incrível experiência de conexão. Embora em algumas situações possamos ficar um pouco mais distantes, é possível melhorar, basta querer. Então, mãos à obra.

Sinais de desconexão

1- Prefere usar o celular que conversar com o parceiro (a): hoje, podemos dizer que o celular é um dos principais fatores de desconexão dos casais. Damos atenção a quem ou ao que está longe e nos distanciamos de quem está ao nosso lado.

Como melhorar: estabeleça um tempo para usar o celular e faça um acordo com o parceiro (a). Evite usar o celular quando estiverem juntos conversando ou fazendo outra atividade a dois.

2- Faz atividades isoladas durante uma viagem: viajar é o programa preferido de 75% dos casais brasileiros, segundo pesquisa do Instituto do Casal. Quem não gosta de viajar? Porém, se o casal viaja e cada um faz um programa diferente, é preciso atenção. Claro que não precisam fazer tudo juntos, mas na maior parte do tempo o ideal é aproveitar o passeio para aumentar a conexão.

Como melhorar: realizar as refeições juntos, fazer caminhadas, programar passeios, namorar, dançar. Se um dos parceiros quiser fazer algo sozinho, sem crise. Mas, lembre-se que a viagem é uma oportunidade incrível para melhorar a conexão, então atividades em conjunto podem ser mais interessantes. 

3- Fica sem sexo por um período prolongado: cada casal tem seu tempo quando o assunto é sexo.  O que vale é o acordo que existe. Entretanto, quando o sexo é praticamente inexistente ou ainda feito para “cumprir tabela”, é um claro sinal de desconexão.

Como melhorar: O primeiro passo é conversar abertamente. Algumas perguntas são importantes, como: você ainda sente desejo por mim? Você está com algum problema que eu não sei? Se há problemas físicos, o ideal é procurar um médico. Se a questão é emocional, a terapia pode ajudar.

4- Não se abre com o parceiro (a): meu melhor amigo é o meu amor. Para 81% dos casais brasileiros, essa afirmação é verdadeira. Então, nada mais normal que poder falar sobre seus problemas com o parceiro (a). Se isso não está acontecendo, pode ser um sinal de falta de intimidade e vínculo, que leva à desconexão.

Como melhorar: O seu (sua) parceiro certamente é a pessoa mais indicada para entender e falar com você sobre um problema, afinal vocês estão intimamente ligados e envolvidos. No casamento, temos a chance de sermos verdadeiros e imperfeitos, essa é a mágica. Por isso, mais do que qualquer outra pessoa, o cônjuge deve ser capaz de nos ouvir e nos ajudar.

5- Faz programações sem incluir o parceiro: a individualidade é fundamental para a saúde de qualquer relacionamento. Porém, se o casal passa mais tempo fazendo atividades isoladas do que juntos, é preciso repensar.

Como melhorar: dedicação ao relacionamento é fundamental. Isso envolve fazer programas juntos, como sair, viajar, ver filmes, fazer esportes ou planos em conjunto. Quando se escolhe ter uma vida a dois, é preciso ceder o tempo todo em prol do relacionamento e isso envolve, inclusive, fazer mais atividades juntos do que separados.

6- Falta de tempo: 50% dos casais brasileiros afirmam que dedicar-se mais ao trabalho e a falta de tempo são os fatores que mais interferem negativamente no relacionamento. A distância é um prato cheio para a desconexão.

Como melhorar: o trabalho é fundamental, mas é preciso buscar um ponto de equilíbrio entre o tempo dedicado ao trabalho e o tempo dedicado ao relacionamento.

7- Falta de toque, abraços e carícias: a conexão vai muito além do sexo. O casal desconectado é aquele que não se beija, não se abraça, não se toca, anda separado em  público.

Como melhorar: por mais longo que seja o relacionamento, não dá para abrir mão de conectar-se fisicamente com o outro. Portanto, beijar, abraçar, dar as mãos, tudo isso é fundamental para aumentar a conexão.

8- Falta de diálogo: a comunicação é fundamental para qualquer relacionamento. Se o diálogo é inexistente ou se o casal “economiza” nas conversas, é preciso atenção.

Como melhorar: o casamento é um exercício diário de dedicação e investimento. A comunicação é a base da vida a dois. Falar sobre como foi o dia é importante, mas muito mais relevante é falar sobre o amor, sobre a relação, sobre os desejos, os sonhos, as emoções e pensamentos.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso