Diário da Região

05/05/2018 - 14h54min

DIRETO DO HAVAÍ

Conheça prato típico havaiano que tem conquistado paladar do rio-pretense

A base do prato é composta por cubos de peixe cru do tamanho da ponta de um dedo, temperados com sal

Divulgação O poke é democrático e o Hanbai Sushi Bar oferece opções para quem gosta de peixes cru, para quem já é acostumado com frutos do mar e também para quem não gosta ou é alérgico. Alguns sabores disponíveis no restaurante são Maui Poke - camarão, Kauai Poke - salmão em cubos e Hula Hula Poke - salmão, 
atum e camarão, entre outros
O poke é democrático e o Hanbai Sushi Bar oferece opções para quem gosta de peixes cru, para quem já é acostumado com frutos do mar e também para quem não gosta ou é alérgico. Alguns sabores disponíveis no restaurante são Maui Poke - camarão, Kauai Poke - salmão em cubos e Hula Hula Poke - salmão, atum e camarão, entre outros

De origem havaiana, o poke é o novo queridinho dos restaurantes em São Paulo e aos poucos está ganhando o público rio-pretense. Há algum tempo quase não se ouvia falar sobre esse prato por aqui. O poke é o primo dos temakis e sushis, que mistura cubos de peixe fresco com arroz estilo gohan, molho de soja, castanhas e até frutas.

Keny Omekita, proprietária do Hanbai Sushi Bar, explica que a base do prato é composta por cubos de peixe cru do tamanho da ponta de um dedo, temperados com sal. Ela ainda explica que no Havaí a comida é uma forma de experimentar a vida, as músicas tradicionais lá falam da abundância de alimentos que o Oceano Pacífico deixa nas margens do arquipélago, enquanto os pratos prezam pelo frescor dos ingredientes e seu manuseio livre, muitas vezes usando os dedos. "No Hanbai os pratos ganharam nomes de praias havaianas e a novidade é que o cliente é o chef e pode montar o seu poke com os acompanhamentos que mais gosta. A cada refeição, uma nova experiência gastronômica pode ser vivenciada", diz.

No Pokke Culinária Havaiana - Delivery, idealizado pelos sócios Marcus Fabrízio Marquiori, Mauro Sergio Fernedes e Neide Higa, o cliente também pode montar o próprio poke escolhendo o carboidrato (arroz gohan, arroz integral ou mix de salada para quem não quer carboidrato), a proteína (salmão, atum, tilápia, frango ou tofu - para quem é vegano), os complementos (são 22 itens que integram folhas, verduras, legumes e raízes), termina com a escolha do molho que são invenções do Pokke Restaurante (molho pokke, molho tuna e molho mustard). A outra opção são os sabores prontos: Pokke Salmon, Pokke Tuna, Poke Hawaii, Pokke Vegan e Pokke KaMoa. O empreendimento que foi inaugurado no fim de abril opera, por enquanto, pelo sistema delivery, mas a ideia é que tenha um espaço físico em breve.

Segundo Marcus Fabrízio, o termo poke significa 'cortar' no dialeto havaiano. O prato é constituído por comidas frescas, fatiadas e cortadas em uma cumbuca. "A fusão de sabores é o grande objetivo, desafiar o paladar de cada cliente", afirma.

O Los Japas Fusion Food é um food truck com o conceito de fusão de pratos e culturas diferentes. O proprietário Rodnei Abe explica que, depois de muitas pesquisas nos Estados Unidos, a mistura de comida japonesa e mexicana chamou sua atenção. No entanto, ele ainda buscava algo para incrementar o cardápio. "Descobrimos o poke que é um prato prático, colorido com conceito de comida saudável e influência da comida japonesa", explica.

Ainda segundo Abe, o poke tem crescido muito, principalmente nas grandes capitais, e a expectativa de crescimento na região é grande. "Temos a princípio três tipos de poke no cardápio salmão em cubos, ceviche com frutos do mar e shimeji, que é a versão vegana", finaliza.

Poke refrescante

Johnny Torres Poke refrescante do 
Food Truck Los Japas
Poke refrescante do Food Truck Los Japas

Ingredientes

100g de salmão fresco em cubos

70g de arroz japonês

1/2 pepino

1/2 cenoura

1/2 manhã

Mix de repolho fatiado

Tomate cereja

10ml de vinagre de arroz

10g de gergelim

5g de cebolinha

10ml de shoyu

10ml de óleo de gergelim

Sal e açúcar para temperar

Modo de preparo

Prepare o arroz em 70ml de água. Fatie o pepino, a manga em cubos, a cenoura em fios e o salmão em cubos grandes. Adicione o pepino à mistura de vinagre, sal e açúcar e o salmão ao shoyu com óleo de gergelim, a cebola e a cebolinha. Para montar a tigela, coloque o arroz no fundo, posicione logo acima a cenoura, o pepino e a manga, o repolho, e em seguida o salmão. Tempere com óleo de gergelim. Finalize com cebolinha e gergelim para finalizar

Fonte - Los Japas, em Rio Preto, (17) 99164-5600

Toque brasileiro

Divulgação O poke do restaurante Frutto recebe um molho especial a base de shoyo, gergelim, limão e mel. Em breve terá uma versão do prato com peixe dorê 
(para quem não aprecia peixe cru) e uma opção com cogumelos shimeji 
(para os vegetarianos)
O poke do restaurante Frutto recebe um molho especial a base de shoyo, gergelim, limão e mel. Em breve terá uma versão do prato com peixe dorê (para quem não aprecia peixe cru) e uma opção com cogumelos shimeji (para os vegetarianos)

Os sócios-proprietários do restaurante Frutto Mistura Saudável, Maciel Fabiano Lago e Daniel Fabiano Lago, afirmam que o poke é um prato versátil, onde as versões originais levam peixe (atum ou salmão) cortados em cubos, gohan (arroz oriental), pepino, cebolinha, gergelim e abacate. "Os brasileiros como sempre usam da criatividade e incrementam utilizando também manga, morangos, amendoim, repolho, rabanete, alface, rúcula, pimenta, couve e muitos outros ingredientes", explicam.

Eles ainda dão dicas de como preparar esse prato típico da culinária havaiana em casa. "Você mesmo pode montar em casa escolhendo os ingredientes que preferir, caso tenha dificuldade em preparar o arroz típico japonês pode substituir por repolho cortado bem fino, o qual servirá de base para a montagem do prato. O molho básico você obtém misturando shoyu com um pouco de óleo de gergelim." V&A

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso