Diário da Região

08/04/2018 - 00h00min

PET

Como está o coração do seu pet?

Sintomas são intolerância a exercícios, cansaço, apatia, prostração e língua arroxeada

Freepik/Divulgação Filhote mordendo um coração
Filhote mordendo um coração

A advogada Simone Martins achava estranho o cansaço e a apatia que a sua cadela Jully, da raça cocker spaniel, sentia após os passeios. “Percebia que ela tinha muita tosse notura, prostração e desconforto em algumas posições. Mas o que chamava mais atenção era a coloração arroxeada da língua, até um dia ela desmaiou. Então veio o diagnóstico: A Jully era cardiopata”, afirma.

Simone conta que no início foi um susto, mas depois se conscientizou que bastavam alguns cuidados para que o animal pudesse levar uma vida praticamente normal. “Todas as doenças podem ser controladas com medicação, retardando sua progressão e trazendo conforto para os bichinhos de estimação”, orienta a veterinária especialista em cardiologia, Michelle Caroline Claviço, da Petz.

As doenças mais comuns são as endocardioses, que atingem as válvulas do coração, a mitral e a tricúspide, com a idade avançada e predisposição racial. “Esse tipo de doença afeta animais de porte pequeno. Já raças maiores são mais propensas à cardiomiopatia dilatada, caracterizada pela dilatação do ventrículo por uma alteração do músculo cardíaco”, explica. “Em gatos, a mais comum é a cardiomiopatia hipertrófica, causada também por uma alteração do músculo cardíaco de origem mais comum a hereditariedade.”

Fique de olho

Dicas para prevenir e cuidar do coração do seu bichinho

1 - Realize check-ups a cada seis meses

2 - Ofereça uma alimentação equilibrada, com ração super premium

3 - Evite a obesidade, que é um dos fatores de risco

4 - Mantenha a saúde oral, com cuidados e escovação frequente, porque as bactérias estão relacionadas às cardiopatias

5 - No caso da dirofilariose, além da prevenção com uso mensal de vermífugos, há agora uma vacina que protege os pets com uma dose anual

6 - Ofereça aos animais brinquedos que estimulem a atividade física

7 - Leve seu animal para passear com frequência, oferecendo caminhadas moderadas e diversão

8 - Conheça a predisposição que a raça do pet apresenta

Fonte: Petz

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha? Clique Aqui!
É assinante mais quer redefinir sua senha? Clique Aqui!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso