Diário da Região

03/06/2018 - 00h00min

Comportamento

Pessoas ainda acreditam no ideal de amor romântico, diz psicóloga

Idealizar demais o parceiro impede que as pessoas se conheçam de verdade

Pixabay/Divulgação Ilustração de matéria sobre parceiro ideal
Ilustração de matéria sobre parceiro ideal

"Nós somos muito diferentes, acho que nunca vai dar certo". Quantas vezes, quando se trata de um relacionamento, não ouvimos essa queixa de pessoas que querem encontrar um parceiro? Mas será que quando no amor e casamento existe a pessoa certa ou errada? Para a psicóloga Denise Miranda de Figueiredo, terapeuta de casal, família a resposta é não. "O que existe é a vontade de fazer acontecer, a disponibilidade em conhecer o outro, a disponibilidade para mudar, a intenção que dê certo", explica.

Segundo ela, as pessoas ainda são educadas com a ideia do amor romântico, da alma gêmea, do par perfeito mas isso só existe nos filmes, novelas e livros, não na vida real. Pensar desta forma dificulta que vejamos o outro como ele é, pois iremos nos relacionar de forma idealizada e quando ocorrer um problema, por menor que seja, acabaremos nos decepcionando e partiremos para uma nova relação. "Isso se torna um ciclo vicioso de relações malsucedidas, em busca de um conto de fadas ou de um romance de novela", diz.

Expectativa e Realidade

A psicóloga Marina Simas de Lima garante que idealizar demais o parceiro impede que as pessoas se conheçam de verdade. Nos primeiros encontros ou meses de namoro queremos dar o nosso melhor, evitamos mostrar nosso lado B. Porém, uma hora ou outra isso vai acontecer e se criarmos uma ilusão, uma imagem idealizada do outro ou de nós mesmos, haverá um grande desencontro entre este casal, quando a realidade bater à porta. "Na verdade, o relacionamento que dá certo é aquele em que há tolerância para as imperfeições um do outro. Todos temos nossas forças e nossas fraquezas, assim como nossas crenças e valores e para dar certo é preciso que o casal tolere esses aspectos.

Dê uma mãozinha

1- As pessoas não mudam: Achar que o outro vai mudar só porque casou é um engano. Não é preciso se casar para ser feliz com a pessoa, ou seja, se a pessoa não está feliz com o jeito de ser do outro antes do casamento, com hábitos, costumes, melhor rever a decisão de se casar. Antes de dizer sim, portanto, tenha certeza de que poderá conviver com esta pessoa do jeito que ela é.

2- O problema pode ser você e não o outro: Se você já se casou várias vezes, se você já teve vários namoros e nunca deu certo, pode ser um sinal de que o problema está em você ou em como você enxerga o amor. Por isso, invista no seu autoconhecimento para entender melhor como você lida com o amor.

3- Case-se pelo motivo certo: Há pessoas que se casam para sair da casa dos pais, para poder ter uma vida sexual ativa, para sair do status de solteiro, menos por amor ou por querer construir uma família ou uma vida conjugal. O motivo para se casar precisa ser profundo, baseado no amor, na amizade e no desejo de investir no relacionamento, mesmo sabendo que não é fácil, mas pode ser gratificante. Casamento também não cura infelicidade.

4- Reflita: Antes de dizer sim, pense em algumas questões. Você quer ou pensa em ter filhos com essa pessoa? Você a admira? Você a respeita? Você é capaz de imaginar vocês dois envelhecendo juntos? Realizando sonhos juntos? Confia nesta pessoa? Ela aceita você do jeito que você é?

5- Case-se com uma pessoa amiga: A amizade entre o casal é uma das bases mais importantes de um relacionamento duradouro. Você precisa ter liberdade para abrir seu coração e falar sobre o que te incomoda. Você precisa saber que pode contar com essa pessoa nas dificuldades que irão surgir ao longo da vida conjugal.

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso