Diário da Região

05/10/2018 - 00h30min

PERIGO

Picada de escorpião mata bebê de 2 anos

Na hora do acidente, criança brincava na casa da avó, em General Salgado

Reprodução Mirieli Gonçalves dos Santos, 2 anos, morava em General Salgado
Mirieli Gonçalves dos Santos, 2 anos, morava em General Salgado

A pequena Mirieli Gonçalves dos Santos, de 2 anos, morreu na madrugada desta quinta-feira, 4, após ser picada por escorpião. A menina de General Salgado chegou a ser socorrida e levada para a Santa Casa de Votuporanga, mas não resistiu ao ferimento.

Mirieli estava na casa da avó, no distrito de Prudêncio e Moraes. Ela brincava em uma área fora da residência quando foi picada pelo bicho. Após o acidente, a menina entrou na sala de casa chorando, foi quando a mãe saiu para ver o que havia picado a filha, avistando o escorpião. Imediatamente, Mirieli foi socorrida e levada pelos familiares para Santa Casa de General Salgado e depois teve de ser transferida para Votuporanga. Segundo a assessoria de imprensa da Santa Casa de Votuporanga, a menina deu entrada às 0h55 de quinta-feira, chegou a passar por atendimento no pronto-socorro, mas veio a óbito às 4h30.

Em General Salgado, onde aconteceu a fatalidade, apenas neste ano foram 42 acidentes envolvendo escorpiões, enquanto em 2017, ocorreram 64 notificações. A assessoria de imprensa da prefeitura de General Salgado disse que sempre realiza a limpeza urbana para evitar acidentes e que está prestando apoio aos familiares. "Realizamos um trabalho contínuo com dicas de como cuidar da casa. A gente já faz a limpeza urbana todos os meses, os agentes visitam as casas e orientam os moradores", disse a coordenadora da Saúde de General Salgado, Naisa de Cássia Mateus.

O corpo de Mirieli foi sepultado no final da tarde desta quinta-feira, 4. Abalada, a família preferiu não dar entrevistas.

Dados do Centro de Assistência Toxicológica (Ceatox) do Hospital de Base de Rio Preto mostram que, apenas nos nove primeiros meses deste ano, o número de atendimentos por picadas de escorpião foi superior a todo o ano passado, de 154 em 2017 para 187 até setembro de 2018.

Outro caso

A fatalidade ocorrida nesta semana lembra a morte de José Lucas da Silva, então com 4 anos, que também morreu depois de ter sido picado por um escorpião, em Ibirá. O caso aconteceu em novembro de 2015. A família estava reunida em uma fazenda, quando o menino começou a reclamar de dor no dedão do pé. Quando os pais descobriram que o filho havia sido picado, correram para HB de Rio Preto, mas a criança não resistiu.

Inconformado com a morte do filho, os pais tomaram veneno. O pai, Lucas Sanches Silva, foi socorrido e levado para a Santa Casa de Ibirá, mas não resistiu, já a mãe foi socorrida em estado grave e sobreviveu.

(Colaborou Rone Carvalho)

Projeto testa veneno

Johnny Torres 22/8/2018 Caçada noturna aos escorpiões em Rio Preto
Caçada noturna aos escorpiões em Rio Preto

Em Rio Preto, só neste ano, foram 366 acidentes envolvendo escorpiões, segundo a Secretaria de Saúde. Para tentar diminuir o número de casos, a pasta lançou projeto-piloto com aplicação de veneno em galerias de esgoto, com o objetivo de matar os bichos e também seus alimentos, como as baratas. "É importante deixar limpa a casa, esse é o primeiro passo para evitar a presença do escorpião. Além de não fazer descarte irregular, que vira abrigo para o animal", disse gerente da Vigilância Ambiental, Abner Alves.

O projeto envolve os bairros Vila Flora e Parque Industrial. No primeiro, foi aplicado o veneno, no segundo não. A Saúde vai comparar o resultado nos dois bairros e verificar se o número de escorpiões caiu após a aplicação do veneno. Os resultados devem ser divulgados em janeiro. (RC)

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Diário da Região. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Diário da Região poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Di´rio Im&ocute;veis

Di´rio Motors

Esqueci minha senha
Informe o e-mail utilizado por você para recuperar sua senha no Diário da Região.

Já sou assinante

Para continuar lendo esta matéria,
faça seu login de acesso:

É assinante mas ainda não possui senha?
Não lembro a minha senha!

Assine o Diário da Região Digital

Para continuar lendo, faça uma assinatura do Diário da Região e tenha acesso completo ao conteúdo.

Assine agora

Pacote Digital por apenas R$ 16,90 por mês.
OUTROS PACOTES


ou ligue para os telefones: (17) 2139 2010 / 2139 2020

Cadastro Grátis
Diário da Região
Clique no botão ao lado e agilize seu cadastro importando seus dados básicos do facebook
Sexo
Defina seus dados de acesso